Associação Griots chega à Jundiaí

A Associação Griots - Os Contadores de Histórias chegou à cidade de Jundiaí, interior paulista!

Nossa voluntária Valéria começou sua jornada de contação de histórias no Grupo em Defesa da Criança com Câncer (Grendacc), dando início a uma nova etapa na nossa história.

Na verdade, essa história começou no dia 18 de abril, quando, a convite do Instituto CPFL, um grupo de voluntários da Associação Griots participou da inauguração do programa “Leiturinhas no Hospital” lá no GRENDACC. Foi amor à primeira vista, afinal, a ideia do projeto por lá é de humanizar as relações no ambiente hospitalar, promovendo a leitura e o bem-estar dos atendidos com um espaço de entretenimento, conhecimento e claro, diversão. 

Pois a Valéria, que já foi funcionária do Centro Infantil Boldrini, em Campinas, juntou toda sua experiência e começou suas visitas semanais, às segundas-feiras, lá em Jundiaí. “Tenho muito carinho por pacientes oncológicos, então fiquei muito animada com esta chance”, contou ela.

Grupo em Defesa da Criança com Câncer

Em 1995, um grupo de pessoas sensibilizadas com as dificuldades vividas pelas crianças portadoras de câncer de Jundiaí e região resolveu se unir para garantir que o tratamento da doença pudesse ser feito sem sair da cidade. Foi assim que nasceu o Grupo em Defesa da Criança com Câncer – Grendacc. Além das consultas de especialidades pediátricas, o Grendacc oferece atendimento e tratamento ambulatorial, exames complementares de laboratório e conta com o apoio de uma equipe multidisciplinar. (Conheça)

O Instituto CPFL, ligado a CPFL Energia, patrocina estas duas iniciativas, através da Lei de Incentivo à Cultura da Secretaria Especial de Cultura.(Conheça)

26 de julho: Dia dos Avós

26 DE JULHO NO BRASIL: DIA DOS AVÓS

A comemoração pelo Dia dos Avós no Brasil remonta à tradição católica.

O dia 26 de julho foi escolhido pelo papa Paulo VI, no século XX, para homenagear os pais de Maria, mãe de Jesus, chamados Ana e Joaquim. Santa Ana e São Joaquim, os avós de Jesus, ao longo dos séculos, receberam comemorações festivas em diversas datas diferentes, mas o papa Paulo VI fez do dia 26 uma data definitiva.

Fonte de inspiração e de sabedoria, os avós são também valiosos guardiões de histórias, não é mesmo?

Inclusive das histórias verdadeiras, histórias de vida. Mais do que contar histórias, o trabalho dos nossos voluntários nos lares de idosos é escutar. Para os vovôs e vovós que ali estão, falar da sua vida, resgatar antigas lembranças, cria um sentimento de prazer e empatia, estimulando o cérebro e aquecendo o coração.

Veja o que contou a voluntária Suely Marques Lopes:

“Os idosos adoram dançar, cantar, adoram receber abraços. E nós, os contadores de histórias, fazemos tudo isso nas visitas com eles. Além de ouvir histórias, eles também gostam de contar as suas histórias. E hoje em dia, as pessoas não têm muita paciência para ouvir o outro, não é mesmo? Mas não é só ouvir, a gente tem que aprender a escutar, porque o escutar é bem mais profundo, e olhar nos olhos das pessoas. Então, é uma troca em que a gente aprende com eles, passa um pouco da nossa vivência e, no final, tudo vira história. Histórias de vida.”

Então, independentemente de sua idade, celebre e compartilhe histórias, e, se seus avós estiverem por perto, aproveite para escutar. Eles sempre terão uma boa história para contar.

Dia Nacional do Escritor é celebrado em 25 de julho

Você sabe como surgiu o Dia do Escritor?

A ideia de homenagear todos os escritores surgiu a partir do primeiro Festival do Escritor Brasileiro, organizado na década de 1960 pela União Brasileira de Escritores, sob a presidência de João Peregrino Júnior e Jorge Amado, um dos principais nomes da literatura nacional.

É pelo trabalho deles que nos chegam as mais belas, mais divertidas ou mais emocionantes histórias.

Tivemos o privilégio de contar com alguns autores apresentando e contando suas próprias obras em nossos canais.

Veja alguns exemplos:

Com a nossa voluntária Dalva Saudo:

https://youtu.be/bKZrl8XiM1U

Com a voluntária Ieda Mansur:

https://youtu.be/C0V2hUmFv5c

E com autores convidados, como a Neila Bruno:

https://youtu.be/U00nq1Yg0yU

Aqui no blog você encontra outras dicas de leitura de obras escritas por nossos voluntários.A griot Elaine Alcantara, por exemplo, é autora do conto ‘O Quartinho do Vovô’, do livro “Sinto o que Conto, Contos que Sinto”. (veja a dica completa aqui)

Piquenique reúne contação de histórias e doação de livros em Indaiatuba

A voluntária dos Griots, Alessandra Souza, mais conhecida como Tia Lê, organizou mais uma edição do projeto Piquenique Literário, em Indaiatuba.

Vai ser no domingo, 10 de julho, das 09h às 13h, na Seringueira, no Parque Ecológico de Indaiatuba (SP).

O convite é para que cada família leve seu lanche, e vá curtir bons momentos de leitura e diversão. Pede-se a doação de 1kg de alimento, que será revertido para ajudar comunidades carentes da região e ser trocado por um livro.

A primeira edição do piquenique aconteceu em 2018 e foi um sucesso! Foram distribuídos 600 livros. Já a segunda edição, em 2019, teve o tema “Sitio do Pica Pau Amarelo” e  contou com a presença do bisneto do escritor Monteiro Lobato.

A terceira edição aconteceu durante a pandemia, em 2021, e por modificações para atender as restrições da pandemia Covid-19 foi feita em esquema de drive thru.

Desta vez, a diversão está garantida, com as participações de DJ Terrini, mágico Fernando Souza, pipoca e algodão doce.

O evento tem apoio da Federação das Entidades Assistenciais de Indaiatuba (FEIA) e você pode acompanhar mais informações sobre o projeto Piquenique Literário da Tia Alê, no Instagram e no Facebook.

Você conhece o CampSamba?

Entre os dias 26 e 29 de junho, aconteceu o Camp Samba 2022, um acampamento para crianças sobreviventes de queimaduras. 

O encontro, desta vez, foi em Sapucaí Mirim (MG), e, como nas edições anteriores, busca oferecer momentos de lazer, união entre os participantes, com estímulo ao resgate da autoconfiança e autoestima dos pequenos.

A nossa querida voluntária da Associação Griots, Midiã Zarpelão, é parte da equipe do projeto, atuando como diretora de logística e responsável pelas atividades e recreação. Além do orgulho de ver nossa amarelinha engajada num trabalho tão importante, tivemos a oportunidade de enviar um vídeo, em que alguns voluntários enviaram mensagens para as crianças durante o acampamento.

Assista aqui!

https://youtu.be/rCNqN8T25cM

Ficamos cheios de alegria ao receber esta resposta:

Confira mais este vídeo, que mostra como foram os dias de acampamento:

https://www.youtube.com/watch?v=EGPsE88pL_c

Acesse o site do CampSamba para conhecer mais sobre o projeto e saiba como doar.

Foto: Anna Thereza Molina Vana

Dia do Hospital

Um decreto, de 27 de junho de 1961, criou no Brasil o Dia do Hospital, celebrado em 02 de julho.

Na história da Associação Griots, são 12 os hospitais que recebem os nossos voluntários, espalhados por 06 cidades da região de Campinas, que levam um pouco de alegria e conforto por meio da contação de história para os pacientes e seus familiares. 

Depois de dois anos com as visitas presenciais suspensas, em razão dos casos de coronavírus, vamos voltando gradualmente… Ainda são necessários muitos cuidados, grupos menores e uma série de  adaptações, mas é uma grande alegria dar início aos reencontros presenciais!

Encontro formativo com professores em Limeira

E lá fomos nós para Limeira!

A Prefeitura da cidade, por meio da Biblioteca Pedagógica da Secretaria de Educação, organizou um evento formativo  voltado a profissionais da rede municipal de ensino, de 21 a 23 de junho, com um sarau de histórias, e duas oficinas criativas.

A ideia do sarau era mostrar aos participantes a importância do ato de contar histórias como estratégia pedagógica. A abertura do evento, realizada no dia 21 de junho, contou com a participação de um grupo de voluntárias da Associação Griots – Os Contadores de Histórias, que dividiram um pouco das suas experiências, recursos e técnicas orais e corporais para a prática da contação de histórias.

O evento segue com as oficinas “Caixa surpresa: recurso para atividades no Berçário e na Educação Infantil”, e “Guarda-chuva literário: recurso para atividades na Educação Infantil e nas séries iniciais do Ensino Fundamental”.

 Agradecemos o convite e ficamos muito felizes com esse encontro!

Veja alguns registros! 

[Best_Wordpress_Gallery id="18" gal_title="Biblioteca Pedagógica em Limeira | 21/06/2022"]

Vem aí: AMAAH-SP Orgulho Autista no dia 19 de junho em Hortolândia

A Associação Griots – Os Contadores de Histórias participa da 1ª edição do AMAAH ORGULHO AUTISTA, no dia 19 de junho (domingo), das 9h às 13h, no Parque Socioambiental Chico Mendes, no centro de Hortolândia (SP).

Organizado pela Associação de Mães e Amigos dos Autistas de Hortolândia (AMAAH-SP), o evento vai contar com a presença de voluntários Griots, na tenda de contação de histórias. A programação conta também com atividades funcionais ao ar livre; acolhimento; participação da Ordem dos Advogados de Hortolândia – OAB Hortolândia, experiência sensorial e varal do orgulho AMAAH-SP.  

A festa marca o Dia Mundial do Orgulho Autista, celebrado no dia 18 de junho e instituído para esclarecer a sociedade sobre as características únicas das pessoas diagnosticadas com algum grau do Transtorno do Espectro Autista (TEA) e normalizar a neurodiversidade, ou seja, o reconhecimento de que o funcionamento cerebral de algumas pessoas é diferente do que é considerado típico. Fundada em 2020, a AMAAH-SP atende 133 famílias de pessoas com TEA.

O AMAAH ORGULHO AUTISTA é realizado pela Associação de Mães e Amigos dos Autistas de Hortolândia (AMAAH-SP) em parceria com a Prefeitura Municipal de Hortolândia (via Secretária Municipal de Cultura). 

Todos estão convidados!

Agenda:

1ª edição do AMAAH-SP ORGULHO AUTISTA

Dia: 19/06 

Horário: 9h às 13h

Local: Parque Socioambiental Chico Mendes

Av. Olívio Franceschini, s/nº, no centro de Hortolândia (SP).

14 de junho é Dia Mundial do Doador de Sangue

O Dia Mundial do Doador de Sangue é celebrado no dia 14 de junho, e por causa dele, todo o mês é dedicado à conscientização e incentivo à população sobre a importância de ser um doador, com o movimento Junho Vermelho.

O Hemocentro da Unicamp, em Campinas (SP), está ativo na campanha. Segundo a Unicamp, o Hemocentro é responsável por atender 95% do Sistema Único de Saúde (SUS) da região metropolitana de Campinas, mas vem registrando queda de até 40% no volume das doações de sangue.

As doações podem ser feitas na cidade de Campinas, no Hemocentro da Unicamp ou Hospital Mário Gatti, e em Sumaré, no Hospital Estadual de Sumaré, todas instituições de saúde visitadas pelos nossos voluntários Griots.

Para saber mais informações sobre como se tornar um doador de sangue,  acesse o site do Hemocentro da Unicamp. A gente adianta que é muito simples, e cada ajuda faz diferença!

(Imagem: Site Hemocentro)

Um dia para guardar: “Brincar é Viver”

A região do Village Campinas é um bairro da cidade que tem feito várias ações de fortalecimento de vínculos entre a comunidade, como a Feira do Grande Village, que incentiva a economia solidária e integração de moradores locais.

Eles organizaram, no último dia 04 de junho, um dia repleto de atividades para crianças e suas famílias. Chamado de “Brincar é Viver”, o evento reuniu numa praça espaços para brincadeiras, sessão de cinema, e contação de histórias, que foi muito bem representada pela Cristina Galleti Kavanagh, voluntária da Associação Griots.

Contar histórias é uma atividade milenar de integração e troca, além de uma opção super divertida de cultura e entretenimento. É sempre uma alegria compartilhar desses momentos de valorização dos espaços públicos, com empenho, carinho e engajamento da comunidade.

Parabéns, e obrigada aos moradores do Village Campinas!